bolo2_Easy-Resize.com_-1280x1007.jpg

Agosto 4, 2017by Neide Rangel

Eu Tenho um PROBLEMA …

Não sei se vocês tem o mesmo problema que eu … então é o seguinte:

Os teus amigos/ familiares / “namorido”  pedem-te ou tu propões fazer um Bolo para a sobremesa ?!?!?!

1º Quem pede um Bolo a uma Nutricionista que adora inventar não estará à espera de um Bolo “normal” ?

2º Os meus Bolos por vezes sofrem de Xenofobia 😀

E ai está o desafio … primeiro não saberem ( ou não parecer) que fui eu que fiz , e depois que as papilas gustativas das pessoas aprovem.

E assim foi o último convite para fazer uma sobremesa na casa de uma das minhas melhores amigas (que vai casar … xiuuu).

INGREDIENTES: 

  • 90g de Farinha de Teff (pode utilizar Farinha de Amêndoa)
  • 150g de Farinha de Arroz
  • 70g de Cacau puro em pó
  • 150g de Açúcar de Coco (pode substituir por açúcar amarelo)
  • 300g de Curgete
  • 2 Ovos inteiros (separar a gema da clara)
  • 1 c. sopa de Bicarbonato de Sódio
  • 1 c. Chá de Fermento sem Glúten
  • 1 c. Chá de Extrato de Baunilha Bio

 

 

RECEITA:

  • Pelo o menos na cozinha gosto de ter tudo orientado, até porque a minha cozinha (para quem conhece) é muitooo pequena.
  • Assim começo em 1º lugar a pesar e reservar todos os ingredientes que vou necessitar.  Depois colocar o meu forno a aquecer em 180ºC. De seguida, trituro na Bimby (ou processador de alimentos) a curgete até ficar quase que puré e reservo num passador para ir libertando a água … depois de tudo organizado  é rápido.
  • Deixo a minha forma já pincelada com óleo de coco (1ª pressão) e polvilhada com cacau em pó ( que tirei até da quantidade que estava reservada.
  • Na Bimby coloco peneiro os ingredientes secos e depois colocar a curgete a baunilha e as 2 gemas ( que foram previamente batidas) e numa velocidade 4-6 (lamina invertida) e durante 30-40 segundos, uniformizo toda a massa.
  • Depois bato as claras em Castela (foi mesmo com máquina manual pois como só tenho 1 copo da Bimby, a logística não deu). Para as Claras ficarem rijinhas adiciono uma pitada de sal.
  • Coloco a massa numa taça alta e depois em dois momentos vou colocando as claras e envolvendo suavemente com uma espátula (a ideia é o bolo ficar mais leve e fofinho).
  • Colocar no forno, reduzi para 170ºC e deixei cerca de 30-40 minutos . É um bolo seco, mas a ideia não será deixar secar demais.
  • Sirva 1 fatia do seu bolo com 1 c. sopa de Iogurte grego natural e umas frutas silvestres.

Resultado final ninguém percebeu ou suspeitou que tinha Curgete e “Cenas” estranhas e foi quase todo devorado … Desafio conseguido!! 🙂

Felizmente, estamos a passar uma fase, em que as pessoas estão receptivas a ingrediente que até então desconheciam e formas de confeccionar pratos mais saudáveis.

Nunca é tarde para abrirmos mão dos nossos preconceitos – Henry Thoreau

Bom Fim-de-Semana!

 

 

 


AdobeStock_87681620-1132x670.jpg

Julho 26, 2017by Neide Rangel

De Todo o Amor que tenho metade foi TU que me deu  – Maria Gadú

E não podia ser mais verdade 🙂 Hoje Dia Mundial dos Avós, inspiro-me obviamente nos Meus e tenho que admitir que sou uma Sortuda.🙏

A minha Avó Geta (carinhoso diminutivo) é a nossa Matriarca e a verdadeira “Avó com Açúcar”, é aquela pessoa que sabe sempre um pouco de tudo, toda a sabedoria que hoje se vai perdendo em gerações… “Avózinha como se faz aquela Receita?”, “Avózinha como se tira aquela nódoa”, “Avózinha são 15h e ainda não almocei, tens aí qualquer coisa rápida?”…. e a resposta vem sempre com muita calma, sabedoria e muita alegria por poder  partilhar estes momentos que para ela, EU sei, que valem ouro…  Por mais cansada que esteja ou com as suas maleitas , (acho) que nunca ouvi um “Não” daquele lado … Avós Certo ?

A minha Avó é VICÍADA em cozinhar (Genes … ihihih), mas gosta de cozinhar de forma mais saudável, vou-lhe dando umas ideias e ela adora o desafio … Pensam vocês “Está a exagerar? ” … nãaaoooo … A minha querida Avó tem 1 arca congeladora do tamanho de um frigorifico e mais uma arca que está incorporada no frigorifico (ufff), onde tem tudo bem acondicionado e identificado … e a transbordar … Ela faz exclusivamente para nós … filhos, netas, netos por afinidade e bisnetas … é uma forma também de se sentir ativa e tenho que admitir que é uma grandeeeee ajuda. 😜

E não podia deixar de vos contar do meu Avô Zé, um Homem de família, sempre de sorriso no rosto, muito sábio e palavras meigas para as suas Princesas (como nos chamava numa casa cheia de Mulheres) … um verdadeiro Gentleman (a minha estrelinha mais brilhante no céu). ✨

Partilho então com vocês a Receita de “Bolo de Cenoura da Avó Geta” e desejo a todos os Avós que este dia se repita todos os dias porque vocês são Especiais e Únicos … Peço aos Netos que respeitem, encham de beijos e principalmente aproveitem todos os momentos … façam-os sentir o que realmente eles são … Muito IMPORTANTES !❤️💙💛💜

 

“Bolo de Cenoura da Avó Geta”

(as medidas que me dá é à chávena de chá … portanto qualquer que seja o tamanho que façam desde que usem as medidas equivalentes funciona)

INGREDIENTES:

  • 3 Cenouras médias cozidas
  • 2 Chávenas de Chá de Farinha de Arroz
  • 1 Chávena de Chá de Açúcar Amarelo
  • 1/2 Chávena de Chá de Óleo de Coco ( 1ª pressão)
  • 1 C. Sobremesa de Fermento em pó (S/Glúten)
  • 4 Ovos

RECEITA:

(vou escrever como se fosse a minha Avozinha a falar comigo/com vocês )

” Filha, primeiro pões a cozer 2 a 3 cenouras, depende do tamanho e pões o forno a aquecer a 180ºC … Sabes a Avózinha faz a olho, são muito anos!

Enquanto está a cozer a cenoura preparas as quantidades dos outros ingredientes .. Olha experimentei aquela farinha que me disseste (polvilho doce), mas não ficou nada bom filha.

Depois de estar cozida a cenoura primeiro provas, para veres se colocas mais açúcar, mas já sei que tu vais é cortar, bem continuando, depois juntas tudo na Kenwood (eu tenho Bimby Avó), então juntas ai nisso (engraçada), bates primeiro os ingredientes líquidos e depois é que colocas as farinhas, é sempre assim filha.

Untas a forma e podes polvilhar com açúcar,  já sei também que não vais fazer, mas a Avozinha está a dizer como ela faz. Colocas no forno e está atenta porque não é para secar é para ficar húmido, talvez uns 15-25 minutos, o teu forno é mais forte que o meu … E já está meu amor, o Avozinho adorava este bolo.

Depois diz se o meu neto gostou (sim não sou eu, o importante  é o meu “namorido” , mais um neto para aquele coração gigante).”

 

 

A minha Homenagem aos meus  Avós!!